Hospital do Câncer em Uberlândia realiza primeiro procedimento de Radiocirurgia

Nesta semana, o Hospital do Câncer em Uberlândia deu mais um importante passo como referência no tratamento oncológico em nossa região, realizando pela primeira vez em sua história uma Radiocirugia. Agenário Pereira da Silva foi o paciente que realizou o procedimento para tratar nódulos em sua próstata.

A Radioterapia Estereotática Extracorpórea, popularmente conhecida como Radiocirurgia, é uma modalidade de tratamento menos invasiva, onde não há necessidade de cortes na pele ou anestesia. “Ela funciona com campos extremamente localizados. Nós adquirimos a imagem através de tomografia da área que será tratada e fazemos a fusão com exames de imagem anteriores, como a ressonância, PET-CT SCAN, e delineamos o volume que queremos tratar.” conta Dra. Claudia Helena Tavares, Médica Radio-Oncologista e Chefe do Setor de Cuidados Especializados do Hospital de Clínicas da Universidade Federal de Uberlândia, o Hospital do Câncer em Uberlândia.

Por ser um procedimento altamente detalhado e minucioso, é indispensável a utilização de alta tecnologia e uma equipe multidisciplinar preparada para a sua realização. “Com esse desenvolvimento, muitos pacientes que não eram tratados e eram considerados fora de possibilidade de tratamento passaram a ter chances de cura, graças a tecnologia e principalmente de uma equipe bem treinada, envolvendo profissionais com diferentes expertises.” destaca o responsável técnico da Radioterapia do Hospital do Câncer, Dr. Eurípedes Barra.

Seguindo o protocolo internacional, para a Radiocirurgia do Agenário Pereira foram propostas 5 sessões, com duração média de 7 minutos cada, sendo a última sessão realizada na quarta-feira (19). Segundo o paciente, o tratamento foi extremamente confortável e seu sentimento agora é de gratidão pelo acolhimento e cuidado.

O Grupo Luta Pela Vida e o Hospital do Câncer em Uberlândia desejam uma ótima recuperação para Agenário, agradecem todos os profissionais envolvidos nessa grande realização e reforçam a importância do apoio e investimento da sociedade para que tratamentos de alta tecnologia como esse sejam cada vez mais oferecidos para nossa população.

Confira o vídeo abaixo e conheça um pouco mais sobre essa grande conquista:

Rolar para cima